Warning: DOMDocument::loadXML() [domdocument.loadxml]: Start tag expected, '<' not found in Entity, line: 1 in /home/leona465/public_html/wp-content/plugins/premium-seo-pack/modules/title_meta_format/init.social.php on line 481
Menu

O que não pode faltar num blog

Uma preocupação comum para quem resolve criar um blog é assegurar que a escolha das ferramentas foi correta.

A ideia desse post é dar uma breve visão sobre o que se deve considerar e o que não pode faltar num blog para que tenha bons resultados.

Escolha do endereço do blog

Muitas pessoas já erram no ponto de partida, que é a escolha de um endereço. Claro que podem haver exceções, mas o ideal é usar um endereço próprio (seudominio.com.br), ou uma subpasta (seudominio.com.br/blog) ou subdomínio (blog.seudominio.com.br) do site principal da empresa.

Dessa forma, toda vez que o blog receber um link de algum outro site, todo o domínio se fortalece e pega carona na credibilidade perante o Google.

Além disso, manter o blog no seu endereço próprio lhe dá total controle e flexibilidade para alterar a plataforma ou inserir algo mais no futuro. Por esses motivos não recomendo usar os endereços gratuitos como nomedoseublog.blogger.com, nomedoseublog.blogspot.com ou nomedoseublog.wordpress.com.

Plataformas de gestão de conteúdo

É interessante que o site tenha uma plataforma de gestão de conteúdo, conhecida como CMS (do inglês Content Management System). O papel de um CMS é permitir que o conteúdo seja gerenciado de forma simples.

Mesmo pessoas que não entendam nada de programação conseguem publicar novos artigos ou editar artigos antigos através de uma experiência razoavelmente parecida com a de editar um texto no Word.

O WordPress.org (tome cuidado, é diferente do WordPress.com, que fornece o serviço de hosting de blog) oferece uma plataforma open-source bastante difundida e robusta. Este é o sistema que uso no meu Blog e também recomendo para meus clientes.

Uma das vantagens do WordPress é permitir o uso de diversos plugins (que funcionam como se fossem acessórios, capazes de oferecer novas funcionalidades) e ser bastante flexível para customizações.

Outro sistema famoso e bastante utilizados de CMS é o Joomla. Embora ambas as plataformas sejam gratuitas para instalação em um servidor próprio, essa é uma tarefa difícil para pessoas não-técnicas. Por isso, se você não tem uma equipe de TI, é provável que tenha que desembolsar um pouco para que alguém faça isso, ou então contrate um serviço de hospedagem que já possua essas plataformas integradas.

Itens que não podem faltar num blog

Boa parte das plataformas de gestão de conteúdo já possui esses itens como básicos. No entanto, nunca é demais garantir que eles estejam na sua página:

Opções de assinaturas do blog

Como forma de manter os leitores sempre próximos do seu blog, você deve dar a eles a opção de receber os artigos por email ou por RSS.  Serviços como o Feedburner servem para oferecer assinatura nas principais plataformas de conteúdo além de permitir acesso a estatísticas de assinantes.

Opções de busca

Ter um campo de busca ajuda o visitante a encontrar conteúdo de forma rápida e fácil. Isso ajuda a diminuir a taxa de rejeição do blog.

Comentários

Outro motivo para se ter um blog é o engajamento que ele proporciona.  Não deixe de incluir um espaço para que os visitantes comentem os posts. O Disqus é um ótimo sistema de gerenciamento de comentários.

Botões para compartilhar

As mídias sociais e o email devem ser grandes impulsionadores de tráfego para o seu blog. Ajude e incentive os usuários a compartilhar colocando botões de Curtir no Facebook, enviar por email, postar no Twitter, etc. Os números que ficam nos ícones também servirão como prova social aos visitantes, mostrando que são posts que valem a pena ler e compartilhar.

Sistema de web analytics

Um sistema de Web Analytics é essencial para entender o que está e o que não está funcionando no seu blog e assim seguir melhorando. O Google Analytics (gratuito) é o mais conhecido. Não esqueça de colocá-lo no blog. Além de ter esses itens, é preciso saber priorizá-los no layout e distribuir cada parte de acordo com sua importância e com os padrões de navegação da web. Não seria muito intuitivo, por exemplo, que a barra de pesquisa ficasse no rodapé do blog.

Ícones de compartilhamento facilitando a distribuição dos artigos e oferecendo prova social, barra de pesquisa bem localizada e destaque para a possibilidade de assinar o blog de diferentes formas (Feed RSS, email ou acompanhando em mídias sociais).

São estas as considerações e itens básicos que não podem faltar num blog para que tenha bons resultados. 

Você já aplica essas estratégias? Quais são os seus resultados?

Gostou desse artigo? Então compartilhe com mais pessoas e não esqueça de deixar seu comentário. Até mais!
Leonardo Brasil trabalha exclusivamente com YouTube e quer ajudar você a Trabalhar com YouTube também. Saiba mais aqui →

No comments

Deixe uma resposta

Assinar Blog por Email

Digite seu endereço de email para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por email.

Como Aumentar os Inscritos

Como Aumentar os Inscritos

Canal Recomendado para Youtubers

Facebook

Siga-me no Twitter

QUER RECEBER DICAS PARA FAZER SEU CANAL CRESCER? INSCREVA-SE ➜